Por que a análise do solo é importante para o sucesso de um negócio?

 
 
 
3 minutos para ler
 
 

A análise do solo é um conjunto de procedimentos químicos que identificam a quantidade de nutrientes disponíveis no solo, além de propriedades químicas, físicas e biológicas importantes para a nutrição das plantas. Essa análise calcula a disponibilidade de nutrientes básicos, como nitrogênio, fósforo, potássio e calcário, e também determina o conteúdo de matéria orgânica, enxofre, o pH e outras características, como densidade e permeabilidade.

 

A ideia por trás da nutrição equilibrada das plantas é aplicar apenas os nutrientes que não podem ser adequadamente fornecidos pelo solo. Portanto, é necessário fazer análise do solo para saber quanto de cada nutriente deverá ser aplicado por meio de fertilizantes. Isso tornará o processo mais eficiente e também mais barato, ao cortar custos com a adição de nutrientes que o solo já tem.

 

Neste artigo, você vai entender melhor o que é análise do solo, como ela funciona e quais seus benefícios.

 

 

O que é análise do solo?

 

A análise do solo determina a quantidade de nutrientes disponíveis imediatamente e também a quantidade que pode se tornar disponível ao longo do ciclo de vida da planta. Como você sabe, os solos, muitas vezes, contêm altas quantidades de nutrientes — a maior parte deles na forma sólida.

 

As plantas só absorvem nutrientes em solução (dissolvidos), de forma que a maior parte pode estar indisponível para elas. Uma gleba pode conter 2 toneladas de potássio, por exemplo, mas apenas 20 quilos disponíveis para uma cultura.

 

 

Como funciona a análise do solo?

 

A análise pode ser dividida em 4 etapas:

 

  1. retirada de amostras;
  2. análise das amostras em laboratório;
  3. interpretação dos dados;
  4. recomendações em gerenciamento do solo.

 

O procedimento, atualmente, é dividir a propriedade em glebas de até 20 hectares. A análise é feita por gleba. Com um trado, retira-se amostras de forma aleatória, em duas camadas de profundidade — de 0 a 10 cm e de 10 a 20 cm. É formada uma amostra composta, com cerca de 300 gramas de terra da mistura das diferentes amostras.

 

A análise dessa amostra vai revelar informações, como saturação por bases, pH, tamanho das partículas (argila, silte, areia), teores dos nutrientes e presença de alumínio.

 

 

Qual a importância da análise do solo para o negócio agrícola?

 

O custo dos fertilizantes pode comprometer boa parte do orçamento da sua fazenda. É importante usar o fertilizante certo, na quantidade certa e no local certo. A análise do solo ajuda o agricultor a tomar várias decisões de forma eficiente:

 

  • o custo de usar pouco fertilizante pode ser maior do que o custo de usar em excesso;
  • a melhor forma de fazer o investimento em fertilizante render é avaliando quais nutrientes suas plantas precisam antes de comprar;
  • a única maneira de fazer isso é com a análise do solo.

 

A análise do solo é fundamental para fazer seu negócio agrícola render o máximo possível. Além de identificar os nutrientes de que suas plantas vão realmente precisar, ainda ajuda na preservação ambiental, ao calcular também os fertilizantes de que você não vai precisar ou que usará em menor quantidade.

 

 

Entre em contato conosco e fique por dentro das melhores dicas para o produtor rural.