O que é subsolagem e qual sua importância? Entenda aqui

 

 

7 minutos para ler
 
 

O trânsito de veículos e a utilização de máquinas agrícolas na área da lavoura provocam um adensamento constante das camadas do solo. Para aliviar essa condição, executa-se a prática agrícola conhecida como subsolagem.

 

Alguns solos se apresentam naturalmente adensados, enquanto outros vão se compactando como resultado da mecanização. Por outro lado, dependendo do tipo de terreno, nem sempre é necessário corrigir a situação por não se apresentar de modo intenso.

 

Continue a leitura e descubra mais sobre subsolagem, sua importância, efeitos e equipamentos adequados.

 

 

O que é a subsolagem?

 

 

Os solos, de maneira geral, podem ser subdivididos em solo, subsolo e rocha matriz, à medida em que se vai aprofundando. O solo normalmente é uma camada de cerca de 30 a 40 cm, dependendo da região e da cobertura vegetal existente.

 

O subsolo, por sua vez, é bem maior, descendo até encontrar a rocha matriz que lhe deu origem. No entanto, em agricultura, quando se fala em subsolo, quase sempre se faz referência às regiões mais próximas do solo, isto é, menos profundas.

 

Por vezes, essas camadas logo abaixo do solo propriamente estão compactadas por razões naturais ou pelo uso da área, como o local de passagem constante de veículos e máquinas. Essa compactação do solo dificulta o desenvolvimento das plantas e a drenagem das águas, entre outros problemas que pode causar.

 

A operação de subsolagem é um procedimento agrícola que visa atenuar os efeitos da compactação do solo. Nas situações em que é requerida, compõe as operações de preparo do solo de modo a adequar as condições para as mudas e as sementes no plantio.

 

O implemento agrícola que realiza a operação de subsolagem, conhecido por subsolador, deve ser arrastado ou acoplado ao sistema hidráulico do trator que, por sua vez, precisa ser de grande potência. As hastes do implemento quebram as camadas compactadas do solo e são de especial interesse no sistema de plantio direto.

 

Em outras palavras, trata-se de uma atividade que promove a desagregação do solo. Um dos seus efeitos é aumentar o volume de solo preparado. As hastes do subsolador podem se apresentar em 3 formatos: retas, curvas ou parabólicas.

 

 

Qual a importância da subsolagem?

 

 

A necessidade de subsolagem em um determinado solo vai depender dos níveis de compactação em que se encontra, assim como do tipo desse solo. Desse modo, quando se apresenta de forma a dificultar a drenagem e percolação da água no solo, dependendo da cultura a ser implantada sua realização poderá ser imprescindível.

 

Por sua vez, a utilização de máquinas agrícolas para aração e gradagem permite minimizar o problema de compactação do solo em sua superfície. No entanto, deve-se atentar para a profundidade, visto que a subsolagem consegue atingir níveis superiores a 30 cm abaixo da superfície.

 

Nesse sentido, solos argilosos são mais suscetíveis à compactação. São solos pesados e requerem tratores de grande potência para que a operação seja eficiente. Ao mesmo tempo, solos profundos e de textura mais leve e uniforme não demandam ações de subsolagem.

 

De todo modo, propiciar a drenagem das águas, a percolação da umidade do solo com seus nutrientes, a aeração para as raízes e a menor resistência ao desenvolvimento radicular são as principais razões para se proceder à subsolagem.

 

 

Quais são os efeitos da subsolagem?

 

O fato de ser necessário um trator de grande potência para a subsolagem sinaliza um consumo significativo de energia para sua efetivação. Por essa razão, sua prática deve ser realizada apenas em situações que de fato a requeiram.

 

Do mesmo modo, é preciso levar em conta que a profundidade da subsolagem deve ser regulada pela faixa de solo compactado. Além disso, é preciso, sempre que possível, deixar as operações de subsolagem para serem realizadas antes do período de chuvas para facilitar a obtenção dos resultados esperados.

 

Levantamentos iniciais para um diagnóstico mais preciso sobre o tipo de solo e suas condições são essenciais para uma tomada de decisão. Esses cuidados são importantes em razão dos efeitos que a subsolagem produz no solo trabalhado.

 

A técnica de subsolagem vem sendo utilizada em solos com maior compactação e alta resistência à infiltração de água da chuva. Nesses casos, os resultados obtidos podem ser assim relacionados:

 

  • maior abastecimento do lençol freático;
  • aumento na vazão de córregos no período seco;
  • redução das cheias nos períodos chuvosos;
  • melhoria da qualidade física dos solos;
  • melhoria na produtividade de culturas agrícolas e pastagens.

 

 

Como o equipamento FS Nível pode ajudar nesse sentido?

 

 

O FS Nível, Indicador Eletrônico de Nível, tem papel importante na operação de subsolagem, com funcionamento bem simples e de fácil entendimento pelo operador. O equipamento emite sinais luminosos que indicam a direção na qual ele deve manter o trator, garantindo sempre o mesmo nível desejado para a máquina.

 

Sua utilização pode se dar tanto para o plantio em nível quanto para o preparo do solo. Assim, operações como aração, gradagem ou subsolagem constituem excelentes momentos para utilização do FS Nível.

 

O equipamento é constituído basicamente por um grupo de lâmpadas LED conectadas a uma bateria de 12 volts. O aparelho deve ser instalado na parte da frente da cabine do trator e permanecer sob a observação do operador durante o deslocamento.

 

É importante considerar que, se instalado na parte lateral da cabine, o equipamento perde a eficiência. Cabe destacar que o grupo de lâmpadas LED fica piscando para indicar para onde o trator deve ser dirigido, a fim de que a operação em nível aconteça.

 

Por sua vez, durante operações de pulverização, o FS Nível funciona como uma barra de luz indicando orientando o operador. Então, quando as luzes verdes estiverem acionadas, o equipamento estará em nível.

 

Se, ao iniciar o trabalho, o operador começar a descer o terreno, o equipamento acionará as luzes indicadoras para cima, direcionando a ação que deve ser tomada, ou seja, subir a máquina no sentido do terreno. No sentido contrário se dá o mesmo. 

 

O equipamento apresenta 5 barras de luz: 3 amarelas e 2 vermelhas. Cada faixa se refere a um grau de inclinação, de modo que, para cada grau que o trator se desloca no sentido do desnível, uma barra de luz se acende.

 

 

Por que escolher o equipamento da FertiSystem e não de outra empresa?

 

Quando se trata de custo-benefício, confiabilidade, praticidade e segurança, não existem outros sistemas no mercado comparados ao FS Nível atualmente. De instalação muito simples, a calibração fácil e rápida assim como a precisão operacional são grandes diferenciais.

 

O FS Nível pode ser facilmente instalado em qualquer trator disponível no mercado agrícola brasileiro. Além disso, é muito prático e de custo acessível, proporcionando ganhos em produtividade e na melhoria física na qualidade do solo.

 

É um equipamento que pode ser utilizado tanto para o plantio como para manejos de solo. Com o trabalho do FS Nível, é mais fácil conservar o solo de modo a reduzir a velocidade do escoamento superficial das águas, evitando que nutrientes e outros elementos importantes sejam carregados.

 

Como se viu, a operação de subsolagem é indispensável em situações de compactação do solo. A prática deve ser adotada acompanhando as linhas de nível do terreno, o que pode ser facilitado pela utilização do FS Nível, da FertiSystem.

 

 

Entre em contato conosco e descubra o que mais a tecnologia pode fazer pelo produtor rural melhorando sua produtividade.